Perecível ao tempo

Posts Tagged ‘reflexão

Sim, eu já parei. E quer saber o que eu andei pensando? Que essa história de “já parou pra pensar?” começou a cansar. Desde que a Cris Guerra “descobriu” a frase no finzinho de 2011, muita gente pensou em samplear a blogueira. Se em 2011 a provocação era original, agora virou lugar comum, empobrecendo a propaganda da recrutadora de recursos humanos, e texto de muita blogueira.

Quando a frase “surgiu”, seu propósito era inspirar a reflexão. Agora nem é preciso refletir, já que temos uma legião de pensadores apontando para todas as grandes revelações que ainda não nos demos conta. Dá pra soar de forma mais arrogante?

De tão repetida, logo a frase alcança o status de bordão. E quando repetimos um bordão, a gente faz tudo, menos pensar sobre ele.

 

 

 

Anúncios

Não sei se você já assistiu esse vídeo, mas achei ele bem legal. Apesar de famoso, só hoje fui parar pra assistir.

 

 

Acho que o discurso do Steve Jobs resume um pouco o que te falei outro dia (pretensão a minha hein!? Querendo me equiparar ao Jobs… hsuahus):

– Ligue os pontos, em algum momento tudo faz sentido (acho que isso explica a minha pira em participar de tantos cursos aleatórios. Não sei pra quê eles vão servir, mas em algum momento SEI que eles vão ser úteis);

– Descubra o que você ama (e não sossegue enquanto não descobrir). Pode ser a sua profissão, mas acho que melhor que do que isso é encontrar o que te motiva verdadeiramente. Descobri que a paixão da minha vida é informar, jornalismo é só o COMO faço isto. Por isso ainda não sei exatamente com o quê vou trabalhar dentro do jornalismo (tv, impresso, etc), porquê trabalhar com jornalismo me basta. E você descobrir a sua paixão não tem nada a ver com descobrir qual curso da faculdade vc vai entrar, e sim o que te move. A faculdade pode ser só uma coisa que vagamente vai te ajudar a construir o teu futuro. Provavelmente a coisa mais importante que você vai fazer na faculdade é conhecer pessoas, e conhecer a vc mesma.

– Se mantenha com fome, se mantenha tolo. Sabe aquela história do “viva hoje como se não houvesse amanhã”? Pois é, tenha fome de conhecimento, de vida. Faça loucuras, acredite na sua intuição, se arrisque, ame e nunca deixe de perguntar (a melhor pergunta que você pode se fazer é “por que não?”)
Espero que você curta o vídeo tanto quanto eu curti.
Bjo

P.s.: Pois é, 637 km não me impedem de enviar mensagens com “reflexões” e “conselhos pra vida” da minha irmã. Pior que receber e-mail com power point motivacional…


%d blogueiros gostam disto: