Perecível ao tempo

Posts Tagged ‘brasileira

Não sou fanática por futebol, aliás, não assisto jogo nem durante partida da Seleção brasileira na Copa do Mundo. Com as últimas manifestações, vi muita gente criticando o Mundial, querendo que o mega evento de 2014 seja cancelado. Pra mim, tudo isso é bobagem. Agora, em 2013, as pessoas vão querer cancelar um evento que está sendo organizado desde 2009, quando foi divulgada a escolha da FIFA de que o Brasil seria o país sede? Depois do investimento de bilhões de reais, tanto da iniciativa pública quanto privada?

Acho bobagem querer brigar para que a Copa não aconteça, afinal os bilhões que seriam desviados, provavelmente já foram; os elefantes brancos que deveriam ser construídos já estão de pé. Então, ao menos que o Brasil possa receber os estrangeiros e ter o retorno financeiro esperado e prometido desde 2003, quando foi feita a candidatura do país para sediar o evento.

Claro que não dá pra deixar barato as irregularidades cometidas duranta as obras da Copa, por isso devemos cobrar a apuração das denúncias (e foram tantas, desde expulsão de moradores à superfaturamento) e o cumprimento da lei, assim que elas forem confirmadas. Devemos também (especialmente os cariocas) ficar de olho no comitê organizador dos Jogos Olímpicos de 2016, a serem realizados no Rio de Janeiro, e na administração pública, cobrando transparência nos gastos desde já.

E se existem motivos para não querermos outros mega eventos, devemos sinalizar agora para os governos essa vontade. Ao invés de pedir o cancelamento de algo que está prestes a ser realizado, devemos unir forças para evitar a candidatura das cidades e do país como sede de eventos futuros. Na semana passada, enquanto cartazes contra a Copa do Mundo de 2014 eram levantados em todo o Brasil, o prefeito Fernando Haddad e o governador Geraldo Alckmin estavam em Paris defendendo a candidatura de São Paulo para sediar a Expo 2020, terceiro maior evento mundial. Melhor gritar agora: fora Expo 2020, do que esperar 2019 chegar.

 

 

 

Anúncios

Posted on: 21/07/2012

São spoilers da literatura brasileira.

NÃO LEIA!

Ou leia e tente adivinhar de quais histórias são.

 

Separada de Bentinho, Capitu “morre bonita” na Suíça.

Brás Cubas não teve filhos. E morre (coisa que é um falso spoiler, a bem da verdade).

Preso, Major Quaresma perde. Tudo.

GH come a barata. E adora­­ – – – – –

Fabiano atira em Baleia e vai para o sul.

Vestida de dançarina oriental, Ana é morta pelo pai.

Ana Clara morre, Lia se exila e Lorena volta pra casa.

O diabo não existe, existe o “homem humano”.

Baltasar desaparece num balão, mas Blimunda o vê queimando numa fogueira.

Gabriela e Nacib ficam juntos.

Bertoleza rasga o próprio ventre.

Com vento a favor, tudo dá certo para os portugueses.

Madalena escreve uma carta e toma veneno. Todos dormem – menos Paulo Honório.

“Seguiu-se a morte de D. Maria, a do Leonardo-Pataca, e uma enfiada de acontecimentos tristes que pouparemos aos leitores, fazendo aqui ponto-final.”

 

Reconheci #8.

P.S.: Os spoilers saíram daqui: Não me culpem pelo aspecto sinistro

 

Sempre fui contra a obrigatoriedade da leitura dos clássicos. Para mim, essa deve ser uma atividade prazerosa, e obrigar um garoto de 13 anos a ler um livro do século XIX vai contra esta ideia.

Batia o pé defendendo essa postura, mas tive que repensar isso tudo ao conhecer Machado de Assis.

Já tinha tentado superar Machado com 12 anos, não suportei.

Acostumada a ler livros para o público infanto-juvenil, o fundador da ABL e sua literatura pareceram um suplício para mim.

Anooooos mais tarde, determinada a passar no vestibular de uma universidade pública, vi que a história de Bentinho e Capitu constava na lista de livros a serem lidos.

Encarei o volume e quando percebi estava devorando-o!

Machadão não apenas me surpreendeu, como me envolveu na trama.

RESULTADO: Adorei ter descoberto esse grande escritor. E agora olho com muito mais carinho as listas de livros obrigatórios, e enxergo nessas listas a oportunidade de conhecer ou me forçar a ler livros que eu não leria.

A gente nunca sabe onde vai encontrar o escritor da nossa vida, né!?


Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: