Perecível ao tempo

É preciso ser!

Posted on: 22/04/2012

Se você é militante, ativista, defensor de algo, saia de si. Largue seu corpo, seus velhos hábitos, manias, estereótipos. Sinta-se livre para assumir novas personalidades. Sinta-se livre para ser outro. E isso não significa não ter personalidade! Significa apenas que quando você for lutar, você deve ser a sua luta, você deve se apropriar dela.

É preciso se ver como travesti, para entender as dificuldades que elas passam. É preciso ser negro, para saber quais são as discriminações raciais sofridas por estes. É preciso ser mulher para entender a diferença no tratamento desse gênero. Se colocar no lugar do outro permite entender melhor o outro. Alguns chamam isso simplesmente de empatia, eu chamo de desapropriação de si mesmo. Não basta se solidarizar com os dramas dos demais, é necessário se despir de si e se vestir do outro.

O grupo porto-riquenho Calle 13 faz diversas apropriações em Latinoamérica:

Soy…soy lo que dejaron
Soy toda la sobra de lo que se robaron
un pueblo escondido en la cima
mi piel es de cuero por eso aguanta cualquier clima
soy una fabrica de humo
mano de obra campesina para tu consumo
frente de frío en el medio del verano
el amor en los tiempos del cólera mi hermano
el sol que nace y el día que muere
con los mejores atardeceres
soy el desarrollo en carne viva
un discurso político sin saliva
las caras mas bonitas que he conocido
soy la fotografía de un desaparecido
la sangre dentro de tus venas
soy un pedazo de tierra que vale la pena
una canasta con frijoles
soy Maradona contra Inglaterra anotándote dos goles
soy lo que sostiene mi bandera
la espina dorsal del planeta es mi cordillera
soy lo que me enseño mi padre
el que no quiere a su patria no quiere a su madre
soy america latina
un pueblo sin piernas pero que camina

[Trecho de Latinoamérica]

Por isso encerro o post com dois convites:

1. Assistam o clipe de Calle 13 e;

2. Se desapropriem de si e deixem se invadir por outros (ao menos um pouco).

Anúncios

4 Respostas to "É preciso ser!"

Empatia: sentimento super importante para o relacionamento humano. Acho que pela falta de empatia começaram muitas guerras.

Mas, as vezes, podemos não ter empatia por alguém, mas respeito sim. Respirar fundo para deixar a raiva se dissipar, para não alimentar a possibilidade de uma guerra, seja qual for,de olhares, de palavras, de armas, seja realmente qual for. Somente sentar, respirar e refletir. E deixar que todo o sentimento destrutivo se vá, como o vento dissipando as nuvens.

Obrigada pelos comentários e, sim, Calle 13 é muito bom e esse um dos seus melhores sons!

Ailime, muito legal o teu texto, parabéns e esse som tbm muito massa… Gde beijo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: