Perecível ao tempo

Archive for fevereiro 2012

Quando um livro é aberto, milhões de possibilidades se abrem simultaneamente. Além das histórias que carrega consigo, ele pode contar outras histórias, de diversas maneiras.

Muita gente se inspira em livros pra criar essas novas histórias.

O vídeo abaixo ganhou o Oscar de Melhor Curta de Animação.

Aqui um stop motion mostra o que acontece em uma livraria quando ela fecha as portas.

Já nesse vídeo, a organização da prateleira rendeu um clipezinho animado.

Aqui livros enfileirados tomam a vez de dominós e anunciam uma rede de livrarias chamada Bookmans (aliás, vale a pena assistir os vídeos do canal deles do Youtube. Tem umas propagandas bem engraçadinhas).

E ainda tem uma sequência de vídeos onde os protagonistas são os livros.

Ou seja, é livro que não acaba mais!

 

Melhor do que fazer uma boa propaganda, que vende bem o produto anunciado é fazer um vídeo que continua sendo muito bom quatro anos depois.

Com poucos acessos, a propaganda do Canal Brasil é uma animação simples e divertida. Vale o clique!

Aiai, essas pequenas incoerências da vida moderna…

 

Agora todo mundo a-m-a Adele (mas na semana passada ela só era uma gorda querendo aparecer)!

Todos (ainda) choram pela morte de Amy Winehouse (mas quando ela estava viva era só mais uma cantora drogada).

Todo mundo é fotógrafo (e mesmo assim só vemos fotos do Instagram).

Todo mundo é nerd (mas ninguém pega um livro pra ler).

Todos são cicloativistas (mas às vezes passam semanas sem pedalar).

Todo mundo se diz underground e fã de rock (mas nas rádios só toca “Ai se eu te pego”).

Todo mundo é descolado e criativo (mas não aceitam novas ideias).

Todo mundo é favor das causas LGBT’s (mas acham que “gay” é xingamento).

Todo mundo defende o direito dos animais (mas acham bonitinho dar/ganhar animal de presente).

Todo mundo se diz interessado em assuntos culturais (mas não vão a um museu, teatro, biblioteca há meses).

Todo mundo se acha “multicultural” (mas continuam usando as palavras “árabe” e “terrorista” como sinônimos).

Todo mundo reclama dos problemas do Brasil (mas ninguém vai a passeatas, participa de ONG’s ou age de acordo com seus “valores”).

Nem primeiro de janeiro, nem pós-Carnaval. O ano começa agora pra mim! Volta às aulas, entrevistas de estágio, novo cargo em uma ONG que faço parte… Tudo começando agora e eu feliz e serelepe pra trabalhar. Por isso, os meus desejos não são apenas pra 2012, mas sim pro resto da vida!

  1. Ser flexível para conseguir encarar as mais diversas situações.
  2. Guinness nos dias frios.
  3. Não desistir da luta (independente do tamanho dos obstáculos).
  4. Estar preparada para ver o inusitado.
  5. Ter tempo para parar e… apreciar.
  6. Ter coragem de me arriscar cada vez mais alto.
  7. Proteger os meus.
  8. Não deixar de sonhar.
  9. Me encontrar.
  10. Irreverência, criatividade e música.
  11. Macaquear.
  12. Retornar às minhas origens.
  13. Informar.
  14. Descobrir.
  15. Mobilizar.
  16. Estar sempre pronta para partir.
  17. Não parar de caminhar.

%d blogueiros gostam disto: